Jogos de Adultos

Eles estão jogando. Sem regras.

Quando Layla aceitou visitar o clube restrito com sua melhor amiga Melanie, não tinha muitas idéias sobre o que iria encontrar. Só sabia que não estava interessada no que lhe podiam oferecer.

Isso ela tinha certeza. Até conhecer Andrew Thorne e James Miller.

jogos_banner_simple

Jogos de Adultos é um romance erótico, recomendado apenas para maiores de 18 anos.

A pegada erótica é de tirar o fôlego e você fica doido querendo saber quem é o maldito assassino. Será que é um dos dois homens com quem Layla está envolvida? É muito tenso, gente! E muito envolvente. O início tem aquela pegada impossível de largar e quanto você vê, já está consumido pela narrativa e não solta mais! Precisa chegar ao fim para descobrir a verdade sobre os crimes e mais, se Layla vai escolher entre os dois bonitões. Até eu queria dois gatos daquele brigando para chamar minha atenção.

Josy Stoque – escritora

Adquira o seu: AMAZON BRASIL

 

jogos-capa-brochura-small

Layla Adams é uma advogada decidida a recuperar sua vida depois de alguns tropeços no passado. Trabalhando em um grande escritório na cidade de Nova Iorque, ela está com o sucesso profissional próximo de ser alcançado, mas sem muitos avanços na vida pessoal. Até sua melhor amiga decidir interferir e convidá-la para visitar um clube de sexo.

Ela rejeita inicialmente a proposta do clube, mas cruza o caminho de Andrew Thorne e James Miller, os dois homens mais cobiçados do lugar – e os melhores jogadores. Layla não sabe exatamente no que está se metendo quando decide se envolver com os dois, de forma não convencional, como nunca antes esteve envolvida.

Paralelamente à reinvenção de sua sexualidade, um estuprador vem aterrorizando a cidade e as investigações da polícia recaem sobre os membros do clube. No cenário de sedução e glamour da Grande Maçã, Layla precisa definir seus novos valores, resgatar alguns fantasmas do passado e fazer escolhas que não deseja.

A leitura de Jogos de Adultos é rápida e intensa, em cada capítulo, em cada parágrafo, em cada linha. Dois dias. Este foi o meu prazo, descontando paradas. É um livro para ler em uma tarde, e parte da noite. O problema vai ser conter o desejo de ler mais, de querer outra aventura, algo que faça com que Layla e seu escolhido – me nego a fazer spoiler – tenham novas aventuras, sejam colocados novamente diante de uma situação limite.

Ceres Marcon – escritora

Trilha sonora